Conheça a SUROC

A Superintendência de Serviços de Transporte Rodoviário e Multimodal de Cargas (Suroc) é a área responsável por acompanhar o mercado de transporte multimodal e rodoviário nacional e internacional de cargas e efetuar o Registro Nacional dos Transportadores Rodoviários de Cargas (RNTRC). Cabe à Suroc, acompanhar os fretes praticados no transporte rodoviário de cargas, além disso, propor a habilitação e autorizar a operação das empresas fornecedoras de Vale-Pedágio obrigatório e a operação das administradoras de meios de Pagamento Eletrônico de Frete. 
À Superintendência compete também: 

  • propor a habilitação e registrar os operadores de transporte multimodal e o transportador rodoviário internacional de cargas; 
  • efetuar o registro do transportador rodoviário de produtos perigosos; 
  • propor regulamentação aos serviços de transporte multimodal e rodoviário nacional e internacional de cargas, ao RNTRC, ao transporte rodoviário de produtos perigosos, em articulação com a Superintendência de Transporte Ferroviário, ao Vale-Pedágio obrigatório e ao pagamento do frete do transporte rodoviário de cargas; 
  • articular com entidades de classe, transportadores, embarcadores, agências reguladoras de outros modos de transporte, órgãos de governo e demais envolvidos com a movimentação de bens para promover o transporte multimodal; 
  • organizar e manter o cadastro de dutovias e de empresas proprietárias de equipamentos e instalações de transporte dutoviário, articulando junto a outros órgãos, visando uma análise sistêmica e multimodal do transporte dutoviário; e 
  • apoiar as autoridades competentes nas questões relativas ao transporte internacional rodoviário e multimodal de cargas, com informações técnicas e participação, quando necessário, nas reuniões com representantes de governos estrangeiros, em especial do Mercosul. 

Para desempenhar as atividades, a Superintendência é subdividida em duas gerências, a Gerência de Registro e Acompanhamento do Transporte Rodoviário e Multimodal de Cargas (Gerar) e a Gerência de Regulação do Transporte Rodoviário e Multimodal de Cargas (Geret), e a Coordenação de Apoio e Assessoramento da Superintendência de Serviços de Transporte Rodoviário e Multimodal de Cargas.


Acesse aqui o regimento da ANTT.
 

Gerência de Registro e Acompanhamento do Transporte Rodoviário e Multimodal de Cargas (Gerar)

A área acompanha o mercado de transporte multimodal e rodoviário nacional e internacional de cargas, efetua o registro de transportadores rodoviários no Registro Nacional dos Transportadores Rodoviários de Cargas (RNTRC). 
A gerência também é responsável pela autorização da operação após a habilitação de fornecedoras de Vale-Pedágio obrigatório e das instituições de Pagamento Eletrônico de Frete (PEF). 
Compete à Gerar, habilitar os operadores de transporte multimodal e o transportador rodoviário internacional de cargas e efetuar o registro do transportador rodoviário de produtos perigosos. 


Gerência de Regulação do Transporte Rodoviário e Multimodal de Cargas (Geret) 

A Geret é a responsável por analisar os processos de habilitação fornecedores de Vale-Pedágio obrigatório e instituições de Pagamento Eletrônico de Frete (PEF) e propor a habilitação das instituições . 
A área regulamenta os serviços de transporte multimodal e rodoviário nacional e internacional de cargas. Além disso, a Geret realiza estudos para promoção do transporte multimodal de cargas, a fim de apoiar as autoridades competentes nas questões relativas ao transporte multimodal de cargas com informações técnicas e participação, quando necessário, nas reuniões com representantes de governos estrangeiros. 


Coordenação de Apoio e Assessoramento da Superintendência de Serviços de Transporte Rodoviário e Multimodal de Cargas 

A Coordenação de Apoio e Assessoramento da Superintendência de Serviços de Transporte Rodoviário e Multimodal de Cargas apoia a Superintendência no acompanhamento das atividades de elaboração do relatório anual de suas atividades, indicando o cumprimento do Plano Estratégico, da Agenda Regulatória e do Plano de 
Gestão Anual. O setor, em articulação com as gerências, propõe medidas e projetos estratégicos que visem assegurar a competitividade dos serviços de transporte rodoviário.